sexta-feira, 30 de novembro de 2012

FreeBSD: Acesso ao console de um FreeBSD virtualizado no Xen

Muitas vezes não temos acesso ao X do servidor, e quando estamos virtualizando um FreeBSD e precisamos de acesso ao console precisamos abrir um X, agora não mais, podemos ativar o console via ttyu no FreeBSD e acessar via "xm console domUFreeBSD".

Vamos ver como isto funciona:

Com seu FreeBSD virtualizado rodando, vá ao arquivo /etc/ttys e altere a linha:


ttyu0 "/usr/libexec/getty std.9600" dialup off secure


Para:


ttyu0 "/usr/libexec/getty std.9600" vt100 on secure


No arquivo /boot/loader.conf insira a linha:


console="comconsole"

agora basta desligar sua VM FreeBSD e religar com o comando:


xm create domUFreeBSD -c


ou com a VM já funcionando acessar ao console via:


xm console domUFreeBSD

Referencias: 

  • http://wiki.sysconfig.org.uk/display/howto/Xen+FreeBSD+8.2+DomU+(PV)+--+Step+by+Step+Howto

quarta-feira, 28 de novembro de 2012

Backup: Script para backup a quente de máquinas virtuais usando LVM

 Segue aqui um script bem simples para backup de máquinas virtuais que estejam com seus disco armazenados em LVMs.

 O script faz um snapshot da LVM da VM (putz ficou estranho), depois faz um dd deste snapshot para um HD externo ou uma outra mídia qualquer, agora chega de explicações e vamos ao que interessa:


#!/bin/sh

# Script de backup de VMs em LVM

VG=/dev/vmserver
VMS="vm0 vm1 vm2"
MIDIA=/mnt

mount /dev/sdc1 $MIDIA

for VM in $VMS; do

echo "Iniciado backup de $VM em `date`"
lvcreate -L 2G -s -n $VM-snap $VG/$VM
dd if=$VG/$VM-snap | gzip | dd of=$MIDIA/$VM.img.gz
lvremove -f $VG/$VM-snap
echo "Finalizado backup de $VM em `date`" 

done

umount $MIDIA

terça-feira, 27 de novembro de 2012

PORTS: cvs / svn / portsnap




Bom, com o fim do suporte ao cvs ao ports previsto para 2013, resolvi escrever esta postagem.

Sempre use o cvsup, depois csup para atualizar tanto a árvore do ports como source, certa vez precisei usar o portsnap em um ambiente sem acesso a porta 5999 (csup/cvsup), deste de então passei a usar cada vez mais o portsnap.

Mais como sempre gostei de usar o csup, resolvi fazer uns teste com o SVN. Como pró tem maior controle da versão da árvore do ports, podendo até voltar a uma versão anterior, porém quanto a velocidade e espaço em disco, vamos aos comparativos:

SVN:
Tempo para criar uma árvore do zero, em um link de 1MB: 2horas
Espaço em disco (du -sh /usr/ports) : 1,1G

portsnap:
Tempo para criar uma árvore do zero, no mesmo link de 1MB: 20min para baixar e uns 13 para o extract
Espaço em disco (du -sh /usr/ports) : 697M

Com isto, fico mesmo com o portsnap, e quanto ao SVN, já estou portando meus servidores para o uso dele para atualização do source, e fica para uma próxima postagem .

sexta-feira, 16 de novembro de 2012

FreeBSD: Reconectando Velox em FreeBSD como cliente PPPoE

Venho neste post colocar 2 scripts pequenos e rápidos para reconectar uma conexão velox em um gateway FreeBSD. Primeiro script faz a verificação se o link está ok enviando 3 ping para um determinado host, e passando ok em caso do primeiro ping ser aceito, caso o ping falhe ele chama o segundo script que roda uma serie de comandos.

Script 1 (checa_conexao.sh)


#!/bin/sh

/sbin/ping -o -c 3 www.embratel.com.br > /dev/null

if [ `echo $?` -ne 0 ]; then

/home/scripts/reconectavelox.sh

else

exit 0

fi

############################################

Script 2 (reconectavelox.sh)

#!/bin/sh

/etc/rc.d/ppp stop
sleep 10
/etc/rc.d/ppp start
sleep 10
ifconfig tun0
/etc/rc.d/pf reload
/usr/local/etc/rc.d/squid stop
/usr/local/etc/rc.d/squid start
/usr/local/etc/rc.d/noip restart

############################################

No segundo script pode-se colocar para executar qualquer comando que 
quizer, neste caso apliquei um reload o PF, parei e iniciei o SQUID e reiniciei
o no-ip.

O script 1 coloca no cron da seguinte forma:
*/30 * * * * root /home/scripts/checa_conexao.sh